No passado dia 17, a Diretora do Centro Distrital da Segurança Social de Faro, Maria Margarida Flores, visitou algumas IPSS do Concelho onde – acompanhada pela Vereadora da Ação Social, Anabela Simão Rocha – contactou com as direções, funcionários e utentes das diversas valências, em plena ação laboral, a fim de se inteirar das dificuldades que as mesmas sentem na sua gestão, pedindo alguns esclarecimentos, ao mesmo tempo que referiu a disponibilidade da Segurança Social de Faro para todo o apoio que se torne necessário.

 

Da parte da tarde, no salão do Centro Popular de Lagoa, decorreu uma reunião com a participação de todas as IPSS que prestam serviço social no Concelho, com o objetivo de abordar as respostas sociais de cada instituição e, simultaneamente, fazer uma apreciação/apresentação do Compromisso de Cooperação para o Setor Social e Solidário para o biénio 2017/2018, assinado pelo Governo e pelas Instituições do setor no passado dia 3 de maio e o contributo que o mesmo pode trazer em termos de funcionalidade.

A Vereadora Anabela Simão agradeceu à Diretora da Segurança Social de Faro pela visita e também por partilhar as suas preocupações com o setor social, procurando as respostas possíveis a uma prestação tão importante para o bem estar da comunidade, destacando que a Câmara Municipal tem feito um grande esforço financeiro nesse apoio, sempre que solicitado, inscrevendo no seu orçamento verbas consideráveis. Assegurou que este executivo tentará, sempre que estiver ao seu alcance, continuar a prestar esse apoio.

Por sua vez, Margarida Flores ouviu todas as instituições, respondeu a todas as questões levantadas e afirmou uma vez mais que a Segurança Social não pode resolver tudo, que o compromisso agora assinado entre o governo e os representantes das instituições é uma realidade que todos deverão ter em consideração – nomeadamente as suas linhas orientadoras – e que, caso surja qualquer constrangimento, o Centro Distrital da Segurança Social está disponível para colaborar na solução.

Teve ainda a oportunidade de referir que, em função do que tem observado no Barlavento Algarvio, Lagoa está no bom caminho quanto à qualidade estrutural e de serviços, tanto em Creches como em Lares de Internamento e de Cuidados Continuados.

Todas as Instituições – manifestando satisfação pela reunião realizada, que deverá ser repetida – reafirmaram que, com mais ou menos dificuldades, não deixarão as suas populações sem proteção e que isso só tem sido possível com o apoio da Câmara Municipal de Lagoa, com que contam também no futuro.

 

 

Pin It

Candidaturas on line - Apoios escolares

Candidaturas on line Apoios Escolares

COVID-19: página oficial

Lagoa 2020 - Cidade Sustentável