O Município de Lagoa confirma mais uma presença na 41ª Edição da FATACIL, desta feita trata-se do conceituado músico e compositor João Pedro Pais, que regressa a um lugar que tão bem conhece, tendo atuado na última edição realizada, em 2019.

A FATACIL (Feira de Artesanato, Turismo, Agricultura, Comércio e Indústria de Lagoa) está de regresso, realizando-se entre 19 e 28 de agosto, e a ser preparada ao pormenor, para que esta seja a melhor edição de sempre. Para além de muita animação, de muitas novidades, a FATACIL regressa com grandes concertos, tendo agendada a atuação de João Pedro Pais para o dia 21 de agosto, pelas 22h00.

João Pedro Pais dispensa apresentações, tendo mais de 20 anos de carreira, centenas de concertos esgotados, por todo o país, milhares de discos vendidos e continua a cativar várias gerações, dos mais novos aos mais velhos, com canções que são intemporais. Verdadeiros clássicos que não passam de moda e são inspiradores, tais como: “Ninguém (é de ninguém)”, “Louco (por ti)”, “Mentira”, “Não há”, “Um resto de tudo” ou “A palma e a mão”.

A primeira aparição do músico, nos grandes ecrãs, aconteceu através do programa televisivo Chuva de Estrelas, na SIC, onde obteve o segundo lugar interpretando a canção "Ao Passar Um Navio", dos Delfins, e desde então não parou de somar êxitos.

Por estas razões, o Município de Lagoa não hesitou em trazer, novamente, o músico à FATACIL, a maior feira a sul do tejo.

“A FATACIL é muito mais do que espetáculos musicais, mas a música faz parte do todo e contribui de forma decisiva para o sucesso da FATACIL. Desta forma, preparamos um cartaz forte no palco principal e acrescentamos um palco secundário na zona da restauração”, afirma Luís Encarnação, Presidente da Câmara Municipal de Lagoa.

 

Pin It

Candidaturas on line - Apoios escolares

Candidaturas on line Apoios Escolares

COVID-19: página oficial

Lagoa 2020 - Cidade Sustentável