Estão em consulta publica os resultados da análise técnica das propostas apresentadas à edição de 2020 do Orçamento Participativo (OP) de Lagoa.

A “Consulta pública dos resultados da análise técnica” das propostas submetidas ao OP Lagoa, corresponde à penúltima fase do processo iniciado em maio.  A apresentação final dos resultados, prevista para outubro de 2020, é o ultimo passo antes da execução das obras eleitas na 7ª edição do OP Lagoa.

Concluída a análise técnica das propostas, a Câmara Municipal de Lagoa torna pública, nesta fase, as listas de projetos aprovados e não aprovados. Os fundamentos para aprovação ou exclusão foram previamente discutidos com os respetivos proponentes.

São cinco as propostas que cumprem os requisitos definidos pelo regulamento do OP Lagoa 2020. Distribuem-se por diferentes freguesias do concelho e correspondem a investimentos de natureza diversificada.

Integram a lista das propostas aprovadas as “Lombas com sinalização no Calvário” (União de Freguesias de Estômbar - Parchal); o “Parque de exercício físico, lazer e convívio no Pateiro” (União de Freguesias de Estômbar - Parchal); a “Reabilitação urbana na Rua da Liberdade” (União de Freguesias de Lagoa e Carvoeiro); o “Lagoa moto parking (Todas as Freguesias); e a “Rede de água de saneamento para o Sítio do Passarinho” (União de Freguesias de Lagoa e Carvoeiro);

A fase de votação dos projetos não acontece este ano, já que o volume de propostas não ultrapassou os 300 mil euros, valor da dotação financeira atribuída pelo executivo municipal ao OP Lagoa.

Dinamizado sem interrupções desde 2014, o OP integra a estratégia do Município de Lagoa para a participação pública. A edição deste ano de 2020 registou adaptações relativas à forma de participação dos cidadãos. Devido à conjuntura excecional relacionada com a pandemia, pela primeira vez a submissão de propostas ocorreu apenas em ambiente on line, através da plataforma digital undefined.