O Auditório Carlos do Carmo, completamente cheio assistiu e vibrou no passado dia 19 de janeiro, com o maravilhoso espetáculo de LURA a cantora da nova vaga da música Cabo Verdiana, num concerto integrado nas comemorações dos 246 anos da Criação do Concelho de Lagoa e na apresentação do ano temático de 2019 que decorrerá sobre o tema de “Lagoa Cidade Inclusiva”

 A cerimónia oficial de abertura contou com a exibição de dois vídeos sobre Lagoa, com a participação de jovens lagoenses, caraterizando o que se obriga no respeito pelos direitos humanos, e outro com elementos das várias comunidades residentes no Concelho retratando o que é viver em Lagoa. A cerimónia foi presidida pelo Vice Presidente da Câmara Municipal Luís Encarnação, que num discurso de saudação a todos os presentes salientou que,  “depois dos anos temáticos abraçamos,  a partir de 2018 as grandes causas “Lagoa Cidade Educadora” e vamos continuar em  2019 em constante relação com  comunidade  numa “Lagoa Cidade Inclusiva” sendo essa a aposta até 2021, mantendo sempre a ligação a uma cidadania plena  com causas,  como “Lagoa Cidade Inteligente” e “Lagoa Cidade Sustentável”. 

A encerrar, o esperado momento da entrada em palco de LURA e a sua banda, que com mornas, coladeras e o obrigatório funaná, através da sua forte e afetuosa comunicação com o público não deixou ninguém indiferente. LURA, cantora bilingue como ela se intitula, por ter nascido em Lisboa, mas com todas as origens em Cabo Verde. Possuidora de uma voz maravilhosa e uma presença em palco muito ligada à dança, Lura contagiou todo um público que enchia o Auditório ao ponto de subirem ao palco dançando com a artista num ambiente intimista que permitiu no fim, no regresso a casa a alegria como expressão abrangente.