O Convento de S. José, a Biblioteca Municipal, a Galeria Manuela do Vale na Escola de Artes, e o Arquivo Municipal, voltam a convidar residentes e visitantes do concelho de Lagoa para utilização dos seus serviços.

Estão assim disponíveis ao público, desde esta segunda feira, 15 de junho 2020, ofertas culturais que tinham sido suspensas no âmbito do “estado de emergência” decorrente da pandemia Covid-19.

A Biblioteca e o Convento S. José estão agora abertos ao público de segunda a sexta feira, no horário das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00. A Galeria “Manuela Vale” da Escola de Artes de Lagoa, abre as suas portas apenas no período da tarde, entre as 14h00 e as 18h00 de cada dia útil.  Já o Arquivo Municipal está aberto para consultas, com marcação prévia, entre as 9h00 e as 12h30 e as 14h00 e 17h30 de todos os dias úteis. Esta marcação pode ser agendada para o email ou pelo telefone 282 380 435.

Na Biblioteca, para além do serviço de empréstimo de livros, reabrem agora ao público as Salas de Leitura e Multimédia. O serviço de acesso aos computadores na Sala Multimédia admite 4 utentes em simultâneo, pelo período máximo de 30 minutos cada. Já o serviço de leitura presencial está limitado a um máximo de 8 utentes ao mesmo tempo. Também é recomendado que sempre que possível seja previamente agendado o empréstimo de livros e de computadores pelo telefone 282 380 436, ou pelo correio eletrónico .

Na Galeria Manuela Vale - Escola de Artes Mestre Fernando Rodrigues de Lagoa, estará disponível ao público a exposição “Naturae – Exposição de Ilustração da Natureza”. Mostra-se aqui o trabalho desenvolvido na Oficina de Ilustração da Natureza, ministrado por Ana Rita Afonso, durante o ano de 2019, com recurso a diferentes técnicas: grafite, pontilhismo, scratchboard, trama com esferográfica de ponta fina, lápis de cor, aguarela, poliéster, entre outras. As ilustrações são da autoria de mais de duas dezenas de participantes do curso que continua a decorrer até final de julho 2020.

No Centro Cultural - Convento S. José, um edifício carismático da cidade de Lagoa, pode ser visitada a exposição permanente que retrata a história deste equipamento fundado em 1710. Aqui se recolheram raparigas e meninas abandonadas a quem as freiras carmelitas proporcionaram programas educativos. As visitas guiadas ao Convento S. José devem ser previamente agendadas pelo endereço ou pelo telefone 282 380 434.

O Auditório Carlos do Carmo continuará a receber a gravação dos espetáculos do projeto cultural “A Nossa Gente, a Nossa Identidade”, encerrando ao público durante o período de verão por motivo de obras de beneficiação das instalações. A partir de julho a programação cultural sai à rua percorrendo o território com apontamentos musicais e espetáculos vários que enquadram o nosso património cultural e natural.

O funcionamento dos vários espaços culturais do concelho de Lagoa segue as recomendações da Direção-Geral da Saúde, nomeadamente no que se refere à limitação da lotação dos espaços e ao uso obrigatório de máscara, de modo a garantir todas as condições de segurança e higiene.